13 novembro 2009

Câmara de Alcanena cria Conselho Municipal de Juventude

O executivo da Câmara Municipal de Alcanena aprovou a 9 de Novembro a criação do Conselho Municipal de Juventude (CMJ) com o objectivo de cumprir a lei publicada a 18 de Fevereiro, com o objectivo de procurar um “maior envolvimento” com as associações juvenis. De acordo com a presidente da Câmara de Alcanena, Fernanda Asseiceira (PS), a criação deste órgão consultivo pretende dinamizar o movimento juvenil e estudantil do concelho.

A proposta foi aprovada apenas com os votos da maioria socialista. Os vereadores do grupo “Independentes por Alcanena” sustentaram o seu voto contra com base em três pareceres difundidos pela Associação Portuguesa de Municípios Portugueses que aconselhava os municípios a adiar a implementação do CMJ até que fossem esclarecidas algumas dúvidas que o diploma levanta pelo que consideram prematura a sua criação. Mas Fernanda Asseiceira refutou dizendo que “Alcanena não pode estar fora da lei” apontando que já foram criados CMJ em Abrantes e Rio Maior. A vereadora Renata Henriques (CDS-PP) absteve-se na votação.

in O Mirante

Sem comentários: