25 maio 2009

Jovens do Cartaxo premiados

‘A-Duplo’: Júri destacou potencial de desenvolvimento do projecto

Canos que dão luz premiados

O projecto para produzir energia eléctrica a partir da pressão da água nas canalizações domésticas, desenvolvido por alunos da Escola Secundária do Cartaxo, venceu o concurso ‘Casa do Futuro’.

Promovida pela Associação InovaDomus, a iniciativa juntou na Universidade de Aveiro alunos e professores de seis escolas finalistas que apresentaram um conjunto diverso de propostas para ajudar a construir a casa do futuro.

Na atribuição do primeiro lugar, o júri salientou o potencial de desenvolvimento do projecto dos alunos cartaxeiros, o ‘A-Duplo’, considerando que pode dar origem a aplicações que tornem as casas mais económicas e sustentáveis.

O projecto vencedor foi construído quase a custo zero e pode ter várias aplicações se for desenvolvido a nível industrial. Na apresentação, o fluxo de uma boca-de-incêndio produziu electricidade suficiente para acender várias lâmpadas de uma maqueta construída com materiais recicláveis.

Os alunos defendem que o conceito é simples: trata-se de transpor o funcionamento de uma barragem, com base em turbinas e geradores, e aplicá-lo à escala da rede de abastecimento de água. A obtenção de energia varia em função da pressão e pode resultar em ganhos energéticos.

PORMENORES

CINCO VENCEDORES

O projecto foi desenvolvido na disciplina de Área de Projecto do 12.º B pelos alunos Alexandra Dantas, Liane Carvalho, Rodrigo Sousa, Sara Nogueira e Sara Teodoro, com o apoio da professora Manuela Candeias.

PRÉMIOS PARA TODOS

Cada um dos cinco elementos da equipa vencedora recebeu um iPod com 8 Gb. Para a Escola Secundária do Cartaxo, a organização do concurso vai enviar algumas enciclopédias para ajudar os alunos nas pesquisas que queiram realizar.

João Nuno Pepino
in Correio da Manhã

Sem comentários: